Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jardins Suspensos

Jardins Suspensos

Pink had me on Hello!

 Olá!


 Toda a gente sabe que eu gosto de cor de rosa, seja porque sou gaja, seja porque me apetece, a verdade é que é uma cor que, não sendo a minha cor preferida, está associada, pelo menos no meu complicado e esponjoso cérebro, a uma sensação de alegria a feminilidade. Juntar um pouco de rosa à vida, significa para mim, não me render ao cinzento que os dias trazem carregados de coisas que têm de ser feitas à velocidade da luz. Venham comigo pela mão!


Pink had me on hello!

 O See By Eau Fraiche de Chloé foi o meu perfume de Primavera (POST) e embora não o esteja a usar de momento, acho que o devem cheirar numa visita à perfumaria mais próxima. Há AQUI.


 Finalmente rendi-me aos famosos Invisibobble e não estou insatisfeita, acho que são práticos mas que quando quero um rabo de cavalo firme, não resultam tão bem quanto o tradicional. Há AQUI.


 Os dias têm sido de incerteza temporal, faz muito calor de tarde e um frio do catano de noite. A maneira mais simples de passar por essas inconstâncias sem ficar doente nem carregar com um casacão, é com um lenço. Este é da colecção de praia da MO! e tem um padrão bonito. Mapa de lojas AQUI.


 O sérum em óleo da The Body Shop pretende ser um produto algo inovador, pelo menos no que se refere a produtos do seu género de fácil acesso físico mas também em relação a preço. Tenho um e quando tiver opinião sobre o mesmo faço uma review. Lojas físicas.


 A Lush é daquelas marcas a quem não falta nenhuma cor do arco-íris na oferta de produtos. A balística Think Pink, com o seu ar florido e supostamente recheada de corações, adequa-se perfeitamente ao tema rosa do post. Há AQUI.


 A Intense Brasil em Festa, colecção recente d' O Boticário, tem no seu interior este trio de sombras onde o rosa impera como nenhum outro. As cores são excepcionalmente pigmentadas e fáceis de trabalhar. Há AQUI.


 O livro que eu tenho de Vikas Swarup é muito mais rosa que este Herdeira Acidental, a.k.a. o fantástico Os Seis Suspeitos. Gostei mesmo muito da escrita e do fluir da história, portanto acho que num futuro este possa vir ter à minha estante. Há AQUI.


 Muito mais colorido em foto do que pessoalmente, o 140 da Andreia Cosmetics é um do três vernizes lançados para a estação e que conheci na Expocosmética. Procurar revendedores mais perto AQUI.


 Uso e gosto da linha Sensibio da Bioderma, entre água micelar e creme de rosto e sei que preciso de fazer mais vezes máscara para ajudar com os estados que lhe dão. Talves não compre esta já que tenho uma a caminho mas penso nisso. Há AQUI.


 Os Hot Lips de Ellis Faas são dos melhores e mais duradouros batons que possuo (POST) e os que me fizeram usar mais rosa do que me era costume. Não possso dizer muito mais sobre os mesmos, têm de os experimentar por vós. Há AQUI.


 Falar de produtos rosa e não mencionar a Naked3 era um pouco descabido. Esta foi a paleta que me fez decidir por uma Naked e está a ser uma boa aliada, acho-a bonita e no geral, mas nem por isso no total, acho que tem uma boa qualidade. Na Sephora.


 Nesta altura do ano recorremos também a acessórios de cores mais alegres e que reflitam o estado de mente. Uma mala cor de rosa e ainda por cima com uma coruja é uma coisa fofa demais a meu ver. Há AQUI.


 A Make Up Factory lançou há algum tempo sombras cremosas em stick para fazer frente à praticidade que pedimos para a correria dos dias. Este tipo de produto é um multifunções que não devem descurar, seja como primer, sombra ou delineador. Há AQUI.


 Os Blushing Hearts da I Heart Makeup, sub-marca da MakeUp Revolution causaram e continuam a causar um furor nas gajas. Claramente inspirados nos blushes da Too Faced, passam a vida esgotados, seja onde for. Há AQUI.


 O açúcar esfoliante de Pitaya d' O Boticário é algo que devem parar e cheirar, assim como sentir numa próxima visita. A sua textura é perfeita e a sua acção é eficiente. Esperamos mais aromas por cá com esta maneira de trabalhar. Há AQUI.


 Have a pink day!





Clique na imagem e leia os FAQ's!


[Shopping] O meu Amigo Brasileiro...

 O meu amigo brasileiro que faz lembrar acordes de Jobim por entre prosas de Vinicius, decidiu celebrar a amizade com cor, textura, aroma, sabor e um sorriso nos lábios.

Vasco da Gama vos aguarda!

 

 É dos que aproveita cada data festiva e que rentabiliza cada pequena vitória e as eleva a um momento digno de festejo ininterrupto. Apto na especialidade com que se dedica a momentos especiais, pode-se dizer dele, e diz-se, que é especialista em presentes. De cada vez que é necessário presentear alguém que amamos, ele está lá, com a sua sapiência que não responde a nenhuma ciência senão a do bem estar, e através dele e seus engenhos, quem oferece e quem recebe, fica sempre satisfeito.

Com a segunda baixa de preços é difícil escolher o que comprar, ao menos o hidratante virá aleatoriamente para nos livrar desse peso ahah

 

 O meu amigo brasileiro tem ajudantes o ano inteiro, duendes coloridos e sorridentes, quase todos de sotaque quente, que o ajudam a espalhar o perfume da brasilidade por Portugal fora. O nome deste meu amigo é O Boticário.

 

 E hoje, neste Dia da Amizade, o meu amigo brasileiro quer adicionar mais amigos ao leque de que já dispõe, sem esquecer os que tem. Ele quer que, desde ontem e até ao final do dia de hoje, ao entrarem em qualquer uma das suas casas e ao efectuarem uma compra de qualquer valor/produto, a amizade demonstrada seja uma via com retorno. Esse retorno transforma-se na oferta de um hidratante de 100ml por pessoa, de odor aleatório e sem hipótese de troca. Entre Maracujá e Cajá, Verbena e Áloe Vera e também Ameixa, o meu-nosso amigo brasileiro apenas pede que tenham 16 ou mais anos de idade, apresentem identificação e efectuem ou confirmem o vosso registo cliente. REGULAMENTO AQUI!

 Se não precisam de nada, está na hora de aproveitar os saldos para garantir as prendas de natal do pai, da prima bebé, da irmã, do namorado, da mãe e claro, da amiga. Se forem mesmo investir nesse sentido, vão também a tempo de garantirem o vosso saco de Verão com padrão do calçadão.

 

 Mas este meu amigo brasileiro não é uma pessoa ou entidade que está imóvel ou estagnado e mandou vir da sua terra natal, mais produtos para nos encher o Verão de sentires.

 

Imaginem eu, parada na loja a olhar para isto! Quanta novidade e eu sem saber de nada!

 

observemos de mais perto enquanto Torquatto embeleza o ecrã

 

Mandarina e Damasco, para um momento revitalizante, anuncia-se munida de Loção, Gel de Banho Corpo e Cabelo e também Sabonete Cremoso Esfoliante. O odor puxa mais para damasco mas é suave, fica agradável.

 

Momento relaxante com Lavanda e Benjoim, que cheira mais a lavanda btw, até porque yours truly não sabe a que é suposto cheirar benjoim, sorry. Com Loção, uma novidade em forma de Gel de Massagem e Creme de Mãos. Eu não sou a maior fã de lavanda mas este é suave, dá para aguentar. A textura do gel é muito boa, parece uma água um pouco oleosa e funde-se quase imediatamente na pele.

 

Kiwi, o exótico, veio em uni-dose, representado por um Gel para Massagem. O cheiro é bom, talvez o mais realista de todos, mais que não seja porque é respeitante apenas a um fruto. Mais uma vez, a textura agrada. Sim, eu fui toda barrada na loja. E gostei.

 

 Vai dizer que tem um amigo brasileiro melhor que esse?! 

 

 Já foram buscar o vosso hidratante? Que compraram para ter direito ao mesmo? Têm até final do dia!

 

 Feliz Dia! :)

 

 
Clique na imagem e leia os FAQ's!

Monday Crush

 Olá!

 

 As segundas feiras são a personificação do regresso à realidade, à labuta e à falta de tempo para respirar. Cada vez que a semana se levanta, são inúmeras as vozes que se imperam contra o inevitável. Cabe a cada um enfrentar o seu monstro de forma mais salutar, menos chorona e dar uso à assertividade de ser capaz de enfrentar qualquer dia da semana, seja o primeiro ou o último, se não com a mesma vontade, pelo menos com a mesma vontade de a ter. 

 

 Então vamos munir-nos de pequenos nadas e tudos que nos auxiliam e nos preenchem os dias com algo agradável, bonito, perfumado, saboroso. Pick your poison!

 

 

 Há muito que queria experimentar estes Peanut Butter Cups da Reese's (e não só) mas ir à loja das tentações calórico-americanas ainda não tinha sido viável. O facto de agora se venderem em super e hipermercados facilitou a lacuna da gula que me assistia. Experimentei mais uma variedade da marca, um chocolate que tem amendoins lá para dentro mas prefiro estes. Sou louca por manteiga de amendoim, só não compro mais porque acho o preço absurdo e ia fazendo o jeito com os Kit Kat Chunky Peanut Butter que são mesmo muito bons. Agora tenho mais escolha e mais perto. O sabor? Vai-vos saber a pouco cada um deles, é tudo o que posso dizer!

 

 O que vos ajuda a suportar as segundas feiras?

 

 Beijoo :)

[Beauty] Cada Jeito de se ser Linda é o Jeito Certo

 Olá! 

 

 A Christina Aguilera diz-nos que somos lindas, não obstante o que digam os outros, diz-nos que somos lindas, em toda a nossa proporção. E ela tem razão. Eu acredito que há beleza em toda a gente, pelo menos até que a fealdade que infesta os corações saia para fora e me faça mudar de opinião. Ainda quero ter esperança na humanidade, não quero perder a fé que resiste em mim, apesar de todas as mostras do quão vis podem ser os seres humanos. Divaguei, vamos centrar-nos!

 

olha quanta lindeza ahahah dois deles em promoção!

 

 Recentemente fiz um post de inspiração brasileira onde mostrei o perfume Linda Brasil, POST AQUI, salientando o quanto ele seria bem vindo ao conjunto de perfumes Linda que por aqui moram. Eu vou repetir-me mas é importante referir: eu chamo-me Linda, a linha de perfumes chama-se Linda e eu estou sempre aberta a ter produtos que me façam sentir linda, sendo o perfume uma parte muito importante desse sentir. Portanto, o collect all Linda's é o culminar de uma das minhas muitas e variadas pancadas saudáveis-ish. Neste momento possuo 5 dos 7 Linda's à venda em Portugal, tendo este Linda Brasil acabado de chegar às lojas para espalhar odor de Vera Cruz por terras de Camões.

 

 

 Linda Brasil, de edição limitada, é a personificação exultante e aromática da corrente da brasilidade e da própria mulher brasileira. Foi buscar inspiração ao seu sorriso e alegria, à sua feminilidade sensual. Combinando notas mais marcantes com florais e frescos, é uma fragrância que foi pensada para enaltecer e incentivar o alto astral em relação à comemoração da organização do Mundial de Futebol no Brasil.

 

 O perfumista Cláudio de Deus, responsável por este Linda Brasil diz:

                                “Me inspirei no jeito de ser da mulher brasileira, que é multifacetada e encantadora por sua natureza, beleza e espontaneidade. Também fui buscar inspiração nos dias ensolarados do Brasil e encontrei no Living de Jacarandá Puberola uma nota de Diva – floral muito feminino e exuberante. Na Brisa d’iguaçu encontrei o acorde perfeito que representaria o frescor e o sorriso primaveril desta mulher. Desvendei sua sensualidade através das notas quentes e macias de âmbar e musk, fazendo uso da Harrisia da Noite, flor nativa da Bahia, para traduzir toda a elegância e brasilidade de Linda Brasil.”

 

 Já a directora de Marketing de Produtos d' O Boticário, Isabella Wanderley, diz:

                                  "Linda é a marca em nossa perfumaria que exalta a feminilidade brasileira, por isso Linda Brasil é o grande destaque do movimento #torcidalinda”.

 

 

 

 No entanto, é de bom tom salientar que já existiu um Linda Brasil, há 10 anos atrás e lançado, como edição limitada também, para comemoração do Dia da Mulher. Apesar das linhas do seu frasco serem muito mais suaves hoje em dia, a embalagem que continha o Linda Brasil original, chegou a vencer um prémio, com o destaque dado à forma de flor que aparentava ter, quando a parte superior da cartonagem era retirada. O seu odor era, diz-me a internet de todas as perguntas respondidas, inspirado pela sensação de quando o rosto é tocado por uma brisa fresca e munia-se para isso, de águas, flores e árvores paranaenses.

 

 

Olfactivamente falando, o Linda Brasil dos nossos dias traduz-se da seguinte forma:

Familia Olfactiva: Floral Bouquet

Notas de Saída: Bergamota, yuzu, lima, mandarina.

Notas de Corpo: Orquídea, folhas de violeta, cedro, harrisia da noite, jacarandá puberola, brised’iguaçu.

Notas de Fundo: Musk balsâmico, âmbar, musk, patchouli, heliotropina, copaíba do Brasil.

 
 E já que estamos embaladas, vamos passear pelos outros Linda's, sim?

 

 

 O Linda Miami Sunset é, sem sombra de dúvida o meu preferido, estou a usá-lo agora e quero voltar a comprar pelo menos um antes de desaparecer de vez, dado que é de edição limitada. Doce e quente, não consigo dizer mais. Encontram os dados olfactivos AQUI.

 

 

 O Linda Fashion foi o meu primeiro Linda e foi muito amado na altura, hoje em dia não é perfume que me faça pegar nele muitas vezes. Coisas olfactivas AQUI e um post AQUI

 

 

 O Linda Lindinha é o meu segundo preferido of the bunch. Docinho que só ele, vou usá-lo quando conseguir separar-me do predilecto. Dados olfactivos AQUI.

 

 

 O Linda Inspiração ainda está intacto, comprado há pouco tempo que foi e com a enxurrada perfumística que deu nesta casa em dois ou três meses. Olfactivamente falando, AQUI.

 

não é uma visão linda? pergunta retórica

 

 Faltam no meu stash, o Linda e o Linda Radiance, encontram dados olfactivos AQUI. Já cheirei ambos, dado que passo horas felizes da minha semana dentro da loja, e o Radiance virá primeiro. Mas talvez não devêssemos falar sobre que perfume possa eu comprar mais, porque sem prejuízo do quanto eu gosto de um frasco novo, o bicho vai pegar para arranjar espaço para tudo!

 

 

 Beijoo :)

 

 
Clique na imagem e leia os FAQ's!

[Beauty] O Rio de Janeiro dos anos 60 nas Portas do Sol com o Tejo à espreita

 

 Olá!

 

 Eis que chega ele, o post que retrata, dos meus olhos para os vossos, o que aconteceu em Lisboa a 21 de Junho passado pela mão d' O Boticário. E sim, este é daqueles posts enormes.

 

o estilo muito cool do Ricardo ahah 

 

 Em modo de desabafo, devo dizer que, sendo um sábado e conseguindo estar eu de folga segundo a minha escala, isso quer dizer que foi o culminar das já famosas e odiadas "semanas grandes". Quando cheguei finalmente a sexta-feira à noite, já em casa, eu adormeci vestida no sofá de tão derreada que estava. Ao acordar, zonza e dorida, que os sofás não foram feitos para dormir, por alguns segundos eu ponderei não ir. Mas não ir porquê? Ia ter parte desse sábado e todo o domingo ou quase para descansar e toda a gente que se farta de trabalhar merece viver um pouco ao invés de sobreviver. Para mais, eu sabia que não apenas ia estar defronte de Fernando Torquatto novamente, que por si só é um incentivo dos grandes, mas também iria rever as pessoas que me ajudam e apoiam, que me respondem e que gostam do meu trabalho. Sem o Boti staff eu seria sem dúvida algo menos feliz. E claro, há sempre bloggers que queremos rever ou conhecer ao vivo.

 

Tejo, seu lindo!

 

 Assim como aconteceu o ano passado, este foi o terceiro dia de eventos para a equipa O Boticário Portugal e o maquilhador/mente criativa por trás de toda a linha Make B. Aqui eu quero fazer um pouco de birra porque a linha de Inverno, a que tem os batons que estou a cobiçar e referi AQUI, foi já ela apresentada à esfera jornalística portuguesa. Não obstante todos os produtos e encantos da linha de Verão, eu sou muito mais Outono e queria podido ter visto os produtos já. A Francisca diria agora que quem espera alcança e para vivenciar o que foi lançado, quem sabe o futuro e não meter a carroça à frente dos bois (esta claro, de uma forma muito mais elegante, eu é que sou curta e grossa ahahah) e vá, eu entendo isso mas se nós conhecemos os produtos de trás para a frente e só falta mesmo por-lhes as mãos, o entusiasmo é inevitável.

 

olha ali o miradouro!

 

 A primeira coisa a dizer é que a localização foi extremamente caprichada. Para aproveitar o bom tempo que era suposto estar e já depois de afugentar uma pequena chuva mais cedo, o evento aconteceu no Largo das Portas do Sol ao Castelo, espaço localizado perto do Miradouro de Sta Luzia, de frente para o Tejo, não podendo ter sido melhor escolhido. E como eu não conhecia a zona, foi mais uma descoberta, mais um sair da minha zona de conforto, mais uma maneira de amar a minha Lisboa e isso, por si só, fez grande parte do meu dia. Sim, sou das que fica calada a mirar o mar, envolta em pensamentos, a absorvê-los. 

 

 o palco aguardando presença

 

 Depois eram as pessoas, pessoas de todos os lados, pessoas que eu conheço, pessoas que eu reconheço e pessoas que nunca vi, pessoas aos molhos, muitos sorrisos, muitas poses para a foto e um sentimento geral de bem estar. Umas mais comedidas que outras, no geral estava tudo bem disposto e entretido, ainda que, é normal, mais perto de quem conhecem melhor.

 

Francisca a transportar-nos imediatamente para o mood dos 60's

 

 Ao irmos para dentro do recinto do restaurante para dar início à brincadeira, consegui ficar sentada em primeira fila e o meu pé agradece, assim como as minhas vistas pitosgas. A primeira vaga de afecto veio com a Francisca, mais do que trajada a rigor para saudar e celebrar os anos 60. Grande parte do afecto que as bloggers têm a' O Boticário vem por causa dela, da energia dela, do sentimento de keep it coming que ela transmite. Com o seu sorriso e sempre pronta nos elogios, fazendo salientar os nossos pontos fortes ao ponto de nos deixar envergonhadas, a Francisca é a cola colorida que nos une. 

 

apesar de não ter o sotaque brasileiro que tão bem conheciamos, a Carla é bastante acessível

 

 Após a introdução falou um pouco a directora da marca em Portugal, Carla Goulão. Foi a primeira vez que conheci a Carla, um pouco de raspão e achei-a simpática e acessível, ao salientar que os seus contactos estão sempre ao nosso dispor para o que seja necessário. E é bom receber isso por parte de quem já tem água pelas barbas com as suas funções normais. Há muito boa gente que, mesmo apostando em bloggers para dar voz aos seus produtos, não lhes dá proximidade, tenham elas mais ou menos seguidores.

 

Diego volta e senta com a gente!

 

 Ainda tivemos tempo de receber umas palavras de Diego Costa, product manager de Make B, que deveria voltar cá mais vezes e com um pouco mais de tempo. Danadinho ainda tinha um dos batons Barroco Tropical na mão para atentar o juízo da pessoa! Não se faz não! A sério, seria alguém com quem não me importaria de sentar e conversar desalmadamente sobre a linha. Talvez um dia.

 

 terceiro dia de eventos e o homem fresco que nem uma alface enquanto eu me sentia como se um tornado me tivesse convidado para dançar ahahah

 

 E claro, depois tivemos o prazer de rever Fernando Torquatto, que, quando o fotógrafo do diabo deixou de me ocultar com a sua figura demoníaca e nada transparente, me olhou nos olhos e cumprimentou. Agora pensem, ali não está alguém de sucesso moderado, não é alguém que teve um hit e ficou agarrado a ele, nem sequer é um pseudo-blogger que se acha demasiado importante para responder quando dizes boa tarde. Ali está alguém em quem O Boticário confia um departamento inteiro, a quem a Globo confia as maquilhagens das suas personagens. E se isto parece um pouco relativo, vamos pensar que o Brasil vive e consome cosmética e novelas de produção própria, com uma força extraordinária. Algumas das bloggers a nível de beleza mais influentes do mundo são brasileiras e as novelas são seguidas por milhões de pessoas, tanto e de tal forma que é possível virar moda nacional o verniz que x actriz usa no seu papel. 

 

sou só eu que acho o trejeito dele de concentração super fofo? 

 

 Por isso é uma lição de humildade quando alguém que está no centro de tudo isso, é tão acessível quanto ele é, tão próximo e tão i'm just one of the guys. Fernando efectuou duas maquilhagens, uma na actriz Vanessa Martins e outra na blogger Margarida Almeida (Style it Up). Algo que dá raiva é o quanto o pincel e as cores parecem se render às suas mãos, fazendo exactamente o que ele quer, quando cá em casa as coisas não correm assim tão bem. Enquanto trabalha, Fernando explica os passos que dá e também porquê, explica porque o produto é como é e porque decidiu ele que assim o fosse. Lembra-te que ali não está só a face, a propaganda do produto, está quem está por trás da sua criação. E ele usa esponjinhas! Se repararem nos vários vídeos que já cá deixei dele, Fernando dá bastante uso ao básico pincel de esponja, que é aquele de quem todas fogem quando começam a perceber um pouco da coisa da maquilhagem, eu incluída. E não é que ele consegue fazer maquilhagens dignas de editoriais com ele? Eu disse, o homem tem um dom nas mãos. Ainda teve tempo de adicionar um pouco de cor à maquilhagem da Guida, fazendo com que olhemos para o duo da colecção que leva amarelo com muito menos cepticismo.

 

a Margarida já estava claramente envolvida no clima e saiu do palco ainda mais bonita

 

 Depois disso e da foto da praxe (com conotação prazeirosa neste caso), e também para forrar os estômagos nortenhos cuja viagem seria longa, fomos brindadas com almoço repleto de sabor, até porque estava salmão envolvido na história e eu preciso sempre de salmão na minha vida ahah. Havia sol, havia humor, havia sabor e havia cheiro de mar, acho que o dia não poderia terminar de melhor forma. Fui das últimas a vir embora e nem vontade disso tinha, de tanto que queria perdurar o efeito-Boti no meu viver. 

 

a sombra amarela que tem laivos de dourado para servir como apontamento à maquilhagem já muito sixties da Guida

 

 Este post vai marcado com a tag publicidade e com o pequeno banner que me comprometi a usar, de moto próprio, cada vez que a postagem tem a ver de forma tão directa com uma parceria. Isso não invalida nada do que foi escrito ou faz com que tudo o que me sai dos dedos sejam palavras compradas ou vendidas. Sou directa e não preciso de camuflar o que faço. O Boticário também é dessa forma e se valoriza o trabalho envolvido com bloggers, muitas vezes sai no prejuízo. Porque tem o coração a comandar o que faz, anda com ele nas mãos e é dele que vêm as suas palavras. E se essa é a maior razão para receber tanto amor de volta, é injusto e inglório que haja quem se aproveite disso para receber e não dar. Uma parceria é de facto uma relação e em qualquer relação, os dois lados devem estar envolvidos. Eu sou Balança e o meu sentido de Justiça é bastante acentuado e propício a emitir opinião e não vejo porque não o deva fazer. Esta parceria, que está a perfazer 2 anos, fez muito bem para mim, não apenas no engrandecimento do stash, que a pessoa curte coisas à brava, mas também pessoalmente. É deveras enternecedor atenderes no teu local de trabalho alguém ligado à empresa com quem te cruzaste apenas uma vez e que ao te reconhecer te gaba o trabalho para a sua companhia. Helena, fizeste o meu dia! Agradeço a toda a equipa, que me fazem sempre sentir em casa e que me tiram as dúvidas todas, que nem são tão poucas assim. A equipa do restaurante também merece um obrigada, dado que não é fácil gerir tanta gaja maluca e deixá-las satisfeitas, coisa que aconteceu! Se lá puderem passar um dia, a vista e a comida são de aproveitar!

 

Fotos? :)

 

 não obstante todas as suas qualidades e ofícios, Torquatto é também um óptimo comunicador

 primeiro um braço...

 depois dois fotógrafos na minha frente! 

 volta p'ró ano, sim?

Francisca!

 este ano fizeram aquelas frames para tirarmos as fotos e foi muito bem pensado! foto por Alexandre Silva

a selfie do Diego!
eu adorei esta foto que o Alexandre Silva me tirou com a Xana, minha companhia mais presente no evento!

este ano tive discernimento para tirar fotos, sempre é coisa que me passa

 

 

 E agora vou só ali tomar um banho demorado que nesta casa nova faz um calor dos diabos!

 

 Beijoo :)

 

 
Clique na imagem e leia os FAQ's!

Happiness Journal #6

 Olá!

 

 É, eu sei, parece que desapareceram os pedaços de felicidade daqui. Sabem aquelas pessoas que quando decidem fazer algo com frequência e esse algo não é vital, as condições transformam a vontade em fumo? Sim, aquilo da vida se rir de nós por fazermos planos. É comigo isso. Mas não nos rendamos já, não deixemos a vida escarnecer-se escancaradamente de nós, de mim.

 

Que venham daí as partes felizes da minha existência!

 

 Os meus catraios todos (filho e irmãs) passaram de ano e a única parte em que me podem achar insensível ou bruta é quando eu digo que, embora feliz, não fizeram mais que a sua obrigação! E sabem que mais? É isso mesmo que penso e digo e daí não mudo a ideia, até porque são crianças inteligentes e podem e devem fazer mais e melhor para ultrapassar as dificuldades que possam vivenciar. 

 

 O T e a G vão casar! Opá eles já namoram vai para seis anos e vivem juntos há uns três e se eu achava ao início que ele era o lado que sentia menos, hoje em dia acho que o amor dele por ela foi aumentando exponencialmente e acredito que hão de ficar juntos para sempre! E eu fico tão feliz por isso!

 

 E o N e a T foram papás! Aqui, desde sempre, a loucura dele por ela foi visível, o homem está tão apaixonado agora com quando começaram a namorar, são daqueles casais que parecem viver sempre em clima de namoro e tudo quanto lhes desejo é felicidade!

 

 Algo que me deixa extremamente feliz é a comunicação de atribuição de um Grammy na categoria Lifetime Achievement para  Carlos do Carmo, perdão, para o SENHOR Carlos do Carmo. Sei que este povo quer é saber de bola e o raio que os parta mas o futebol, embora seja lazer como a música o é, não é uma das bases da nossa história, como o Fado. E sim, eu gosto de fado, e desde que soube da notícia só me lembro de "manhã, minha alvorada, tu és o vento que tarda..." que curiosamente, embora cantada por este senhor, faz parte do alinhamento de um cd do Pedro Abrunhosa!

 

 Comprei a 5€ o livro "Homens, Dinheiro e Chocolate" de Menna Van Praag porque não consegui resistir ao preço e era algo na minha wishlist mental. Embora esteja a meio, estou a gostar, apenas acho que há ali uma coisa ou outra que não me agrada de todo mas está a ser um companheiro de viagem agradável. Parece-se um pouco com o conceito de livros de auto-ajuda que eu imagino, dado que nunca li nenhum, mas contando a história de alguém, de modo a criar uma relação com o leitor. Faz-me sentir um pouco como a maior parte dos livros do Paulo coelho: calma, serena e viva por dentro. Leiam mais!

 

 Em terreno de gajas já se sabe que de vez em vez dá asneira e as coisas mudam, mutam e acondicionam-se. Não somos todos iguais, não queremos o mesmo da vida, não falamos todos a mesma língua e não estamos dispostos a fazer ou passar pelas mesmas coisas. Na amizade a verdade deve ser sempre uma constante, deve estar acima da maior parte dos sentires, não ajudas uma amiga se lhe disseres que ela está a agir bem quando está a ser uma valente idiota. Sou feliz na medida em que, sou amiga dos meus amigos e os meus ombros e ouvidos estão sempre cá, assim como o meu apoio, incentivo e a verdade do que penso. O resto é barulho.

 

 Sejam felizes sempre que puderem!

 

 E claro...

 

 

 Beijoo :)

A Brow Kinda Thing!

 Olá!

 

 Olhem para o espelho por favor. De entre os aspectos e feitios do vosso rosto, o que acham que mudando, mudaria o todo? Não estamos a falar de maquilhagem propriamente dita, estou a referir-me às sobrancelhas. Se calhar, por não ser a mais obcecada gaja com o aspecto das suas penugens emoldurantes, seja então eu alguém que possa falar sobre o mesmo.

 

 Primeiro, acho que sim, uma sobrancelha arranjada, à qual foi apenas retirado o excesso de pêlo, muda por completo os traços do rosto. O chamado ilusão de óptica meets não ao pêlo desnecessário. Pessoalmente é o que faço, tirar apenas o excesso. Tem alturas em que peço para ma deixarem um pouco mais fina do que é normal mas nada do estilo quase desenho de lápis de cor. 

 

 Como tenho uma pálpebra filha da mãe, descaída e mais cheia, sabe deus e o diabo de quê que ela sempre foi assim, ter as sobrancelhas arranjadas ajuda a que não tenha um ar soturno todo o santo dia. Ainda assim, quando tiro fotos, tenho de me ir lembrando de as levantar um pouco, não demasiado para não ficar com a testa franzida, apenas o suficiente para que fique registado que tenho olhos. Facilidades é para meninos.

 

 

 Nunca faço as sobrancelhas em casa, não uso pinça nem cera. Até porque com pinça, eu arranco um pêlo e começo a chorar, arranco outro e espirro e depois repete. Provavelmente serei a única pessoa no mundo a quem isso acontece e fará parte do meu epitáfio mas o pessoal trabalha com o que tem.

 Por isso tudo, recorro à Wiñk, já há mais de 4 anos. Como disse ao início, não sou obcecada e há meses que fico sem lá ir mas se estão feitas, foi lá. O sistema de linha faz com que se arranquem pêlos à pazada, de raiz e claro que isso dói! Principalmente se não estão habituadas, vai doer, embora isso da dor seja diferente de gaja para gaja. Pelo resultado geral, considero que a dor vale a pena. Ainda para mais a Wiñk mudou o sistema com lojistas e agora pago apenas metade do valor do serviço, a coisa tornou-se um tanto menos dolorosa. Mas não acho 9,50€ muito caro, principalmente quando bem feito. Há alguns inconvenientes, umas meninas puxam pele em vez de pêlo, outras têm mau hálito, outras são brutas na massagem ao final. Como essas situações são largamente em menor número que as situações positivas, continuarei a lá ir. Se trabalham num centro onde exista Wiñk, ver lojas AQUI, informem-se do novo cartão e condições, vale a pena.

 

 Depois de arranjadas, convém que estejam no devido lugar. Podem arrumá-las com uma máscara de pestanas incolor ou um produto próprio. Eu uso a Solução para Sobrancelhas d' O Boticário*. Com o tempo, acho que as minhas sobrancelhas têm perdido densidade, se calhar era uma boa lavá-las com o Fibralogy ahahah, e apenas por isso comecei a usar mais o lado com cor. No entanto, no meu tom de pele mais cor de cabelo, não posso pesar a mão senão pareço uma vampira gótica e isso não resulta de todo para mim. Pouco produto de cor e pentear com a escova e está feito. Faz-me sempre um pouco de impressão o bocado antes do produto secar porque fico com vontade de as esfregar mas virá com o hábito. Espero eu.

 

 Depois de depiladas, coloridas e penteadas, ainda há a ajuda extra. Podem chamar-lhe osso da sobrancelha ou arco da sobrancelha, tanto me faz. Ali na zona onde a dita se inclina, um pouco de uma sombra iluminadora ou mesmo um iluminador, muito bem fundidos na pele, faz quase o que eu faço a lembrar-me de a levantar. Eu uso o lápis duo iluminador da essence, este AQUI ou um outro que tenho de uma edição limitada da Catrice e ajuda um tanto, é um extra com lhe chamei em cima, dá um efeito de sobrancelha mais levantada e portanto, de um olho mais aberto.

 

 Hoje em dia há uma imensidão de produtos para as sobrancelhas que até deixam a pessoa tonta das pestanas. Vai depender em muito do que querem fazer delas, apenas depois de o saberem poderão saber o que precisam. Mas em dúvida e sem usar de investimento em algo que não se sabe como irá resultar, uma sombra castanha média, não mais escura que o tom natural das vossas sobrancelhas, e uma máscara incolor, poderão ajudar em muito.

 

 Beijoo :)

 

Clique na imagem e leia os FAQ's!