Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Jardins Suspensos

Jardins Suspensos

[MySelf] RVCC e Outras Cenas

 

 É já nesta 6ª feira que vou presente ao júri isto soa tão mal.

 É isso, vou ter o equivalente ao 12º ano e vou ter de falar em frente aos meus formadores e colegas gosto muuito, além do formador externo, e fazer a apresentação do meu trabalho, de mim, falar de um episódio relativo na minha história, parecer calma e não gaguejar. Esperançosamente, a minha eloquência oral seja uma compensação, face ao tamanho do meu Portefólio de Competências, que é finiiiiiiiiinho em comparação com o normal. Atenção, fininho mas conciso, já que fiquei validada a todas as áreas ufa!!!

 

 O episódio que escolhi, foi o nascimento do meu filho e de como mudou a minha vida, de como se tornou o meu projecto de vida acho que vou chorar, chorei quando escrevi.

 Falo também de, que como projecto futuro, quero viver e continuar a ser eu. Não sabia que isso iria implicar-se no meu dia de ontem..

 

 Através do Facebook, vi as fotos da festa e jantar de aniversário de uma pessoa que eu julgava amiga. Ela é uma pessoa que tem tido vários problemas com o ex, o gajo trocou-a e não contente, faz-lhe a vida negra, como se ela o tivesse traído e não ao contrário, já lhe fez ameaças, falsificou a assinatura dela e umas coisinhas assim. Eu aconselhei-a em tudo o que pude, pedi ao meu homem para dar um olho ao processo, ouvi-a a chorar e gritar ao telefone, chorei com ela, tentei dar-lhe uma réstia de esperança no futuro. É o que os amigos fazem.

 

 Eu sei que por trás do meu mau feitio, sou uma sentimental e sensível até enjoar. Ou seja, senti-me magoada por não ter sido convidada. Eu tenho um temperamento difícil mas não sou má pessoa, sou humana, apenas não sou daquelas almas que sorriem até mais não, que toda a gente adora e quer levar para casa. Não há ninguém que só sorria e só esteja bem disposta 24/7. Há, sim, quem aparente fazê-lo.

 

 Eu sou sisuda e concentrada mas não sou alheada de todo. Sei que teria muitos mais amigos se fosse diferente mas creio que é melhor ter poucos e bons do que muitos e desinteressados. A razão dada por ela para a falta de convite, é a de que eu não falo com quase ninguém que foi. Trabalhamos todos no mesmo sítio, acho que fica mal ela convidar o  rapaz que lá está há cerca de mês e meio e não a mim que trabalho com ela há 6 anos. Também se pode dizer que fica mal eu não manter relações cordiais com tudo e todos. Mas eu mereço mais respeito de mim própria, e não ser falsa com outros, é também uma forma de os respeitar.

 

 

 Tanta porra coisa para dizer que um dos meus projectos futuros, passa por não me vender, a mim, à minha consciência, às minhas convicções.

 E que um amigo é um bem precioso. O problema é quem só é amigo quando precisa.

 

 F***