Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Jardins Suspensos

Jardins Suspensos

Go Out

 Olá!

 

 No outro dia na caixa, ao ver o total das compras, o senhor que eu estava a atender virou-se algo tristonho para quem estava com ele e disse: assim não sobra dinheiro para sair. Quem diz sair diz almoçar ou jantar fora, diz ir apenas tomar um par de copos com os amigos, talvez dançar um pouco. Essa coisa da crise, essa malvada dessa subida de preços e tantas coisas do género, confinaram-nos, engaiolaram-nos. Ou pelo menos tentaram. Muita gente se queixa do dinheiro que os outros podem gastar para ir a festivais ou concertos mas das contas de cada um, cada qual as sabe, sabemos lá nós quanto tempo a pessoa poupou e no que cortou para poder usufruir de um momento especial no seu quotidiano? E mesmo se não teve de fazer sacrifícios, se ninguém gosta de lições a respeito do que leva no porta moedas, há de as dar porquê? Pronto, divaguei.

 

 Aquilo de que queria falar é que por vezes, mais vezes do que queremos, a vida não nos deixa ir além da rotina normal. Uma saída acontece no final do mês e nem todos os meses. E deixem-me ser sincera, sair faz bem! Arejar a cabeça dos problemas do dia, faz bem! Livrarmo-nos por uma hora da roupa para passar, faz bem! Não deixamos de ser responsáveis e conscientes por darmos largas à descontracção e soltarmos a franga quando em vez. E o conceito de sair, não implica sempre um custo elevado. Sair pode ser sim, aquela balada com as amigas até ser dia e os saltos ficarem gastos. Mas sair também pode ser juntar um grupo no terraço de alguém, dividir a despesa e ter uma refeição repleta de sabor e confraternização. Sair pode ser uma partida de futebol naquele descampado. Sair pode ser ir para o sofá do amigo e fazer uma maratona de consola, ao invés de o fazer no seu próprio sofá. Não deixemos de lado aquilo que a amizade nos traz, o bem que nos faz, aquela sensação risonha no coração de quem diz "hoje o dia foi bom!".

 

 E quando forem encher a vossa vivência com experiências recompensadoras, além de bom humor, levem sapatos apropriados para a ocasião, sim?

 

A balada e as amigas todas reunidas pedem saltos que se aguentem na pista e sejam bonitos o suficiente para que nos perguntem onde, como e quanto. Cenas.

 Raspberry por mel 65,00€

 

Não importa muito se é descampado ou se é relvado municipal ou mesmo alugado, quando os homens têm jogos de futebol regulares com os amigos de sempre, têm calçado só para essa actividade. E sim, também são uns peneirentos de primeira com isso.

Performance Predito LZ TRX FG por adidas 40,00€

 

 Há dias que valem mais que as horas que os preenchem, usem-nas como vos for possível para engrandecer a vossa história e calquem os pés nesses momentos.

 

 Beijoo :)

 

*post publicitário