Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jardins Suspensos

Jardins Suspensos

It's Gone! #18

Olá!

 

Como diz a Lili, hoje é dia de lixo. Cosmético sim, mas lixo. Ok, cada embalagem vazia conta uma história e tem memórias atachadas, algumas boas e que queremos repetir até mais não, outras nem tanto e que desejamos esquecer rapidamente. Veremos como corre hoje!

 

Vamos a isso?

its-gone18-jardins-suspensos.jpg

O óleo capilar Orofluido é, de entre os que já testei, aquele que eu gosto mais. Gosto que seja espesso, cheire bem e gosto da forma como deixava o meu cabelo. O frasco de vidro e sem doseador pode ser um factor que impede as pessoas de o escolherem mas eu dei-me ok com isso, é preciso ter alguns cuidados mas trabalha-se bem. Durou-me montes e montes de tempo e confesso, que vocês sabem que eu farto-me das coisas mesmo que goste delas, usei outros alternados. Mas este ainda é o meu xodó.

 

Sim, eu sei, os meus óleos deram para acabar todos ao mesmo tempo. Acabou também o Óleo Extraordinário da Elvive. Numa onda mais liquida que o anterior, este é um óleo de que gostei também, bem mais do que o da Nativa SPA de há dois posts de terminados atrás. Este ainda em vidro mas com doseador, tornou-se apenas mais difícil para o final já que o pump não o conseguia transportar e virando ao contrário, os ombros largos não foram colaborativos. Ainda assim, eu gosto.

 

(+)Clica aqui e poderás ler todos os meus posts de produtos terminados!

 

A manteiga Glazed Apple da The Body Shop tornou-se num item adorado e fico extremamente contente que tenha voltado este ano. Sem ser demasiado espessa, espalhando bem e absorvendo moderadamente (afinal não deixa de ser uma manteiga), deixa a pele suave e cheirosa. Para quem já usou, é na onda da de morango, para todos os tipos de pele e portanto menos pesada que as indicadas para pele seca.

 

A loção Bem-Vinda Primavera d' O Boticário* não é floral como o design poderia sugerir mas sim muito doce e espalha-se bem, deixa a pele macia e bonita, sem carecer de perfume, dado que o odor dura várias horas. Absorve de forma relativamente rápida e não pesa na pele. Não consigo dizer mais nada, queria que existisse para sempre, até porque lembra imenso o odor da loção do perfume Thaty Midnight mas sem os brilhos roxos. Edições limitadas, um amor/ódio eterno.

 

Finalmente, o champô Azeitona Mítica da Garnier. Com um odor ali no mais ou menos, nem amo nem odeio, faz espuma quanto baste e deixa o cabelo limpo e bonito mas nada fora de série. Com tanta publicidade aos benefícios dos ingredientes, estava à espera que fosse um pouco melhor. Ainda tenho ali mais uma ou outra embalagem para usar e vou tentar com a linha toda junta, pode ser que a impressão melhore.

 

Então assim de repente, dos cinco produtos, apenas um não me encheu as medidas, os outros quatro são opções para voltar a usar. Até porque eu tenho backups de cada um deles, mesmo do champô. Eu sei, eu sei, completamente louca. Mas feliz.

 

Beijoo :)

 

prsample2015.jpg

 

 

Follow my blog with Bloglovin

[Beauty] Novidades de Natal The Body Shop: Black Musk, Frosted Plum e Calendário do Advento

 Olá!

 

 Enquanto se começam a deslindar nevoeiros das colecções de maquilhagem que as marcas estão a lançar para a época natalícia, eu penso em produtos de corpo, as loções, as manteigas, os geles de banho, os perfumes. E a The Body Shop é uma das marcas a que gosto de prestar atenção. Talvez estejam a pensar apenas nos lançamentos recentes com as embalagens bonitas e a sofisticação acentuada e se esqueçam que deve vir aí novidade. Eu não.

The-Body-Shop-Black-Musk-jardins-suspensos1.jpg..j

 Algo que já começa a aparecer nas lojas, apesar de não estar devidamente exposto, é o novo perfume Black Musk. Com notas como pera, pimenta rosa, bergamota, baunilha preta, ylang ylang, musk preto, chocolate e patchouli, tem figurado um tester dele em loja para sentirmos o odor.

The-Body-Shop-Black-Musk-jardins-suspensos2.jpg

 Já experimentei e adorei! Ainda não usei devidamente o meu Red Musk do ano passado e já tenho este debaixo de olho!

tbs-frosted-plum-jardins-suspensos1.jpg

 Em relação a linhas corporais de Natal, temos três como sempre. De ano para ano entra uma e sai outra, de modo que temos sempre duas repetentes. O ano passado pudemos apaixonar-nos pela linha Glazzed Apple, pelo menos foi o que eu fiz, e este ano ela volta! Retorna a linha de Cranberry Joy, desaparece a linha de Vanilla Bliss e recebemos uma linha com tonalidade roxa: Frosted Plum, uma linha de ameixa que promete, principalmente se tender para o lado doce. Não tem um ar maravilhoso?

the-body-shop-frosted-plum-jardins-suspensos2.jpg

 De ano para ano também, a estrutura das linhas altera-se e embora apresentem sempre artigos como manteigas, loções brilhantes, geles de banho, sabonetes, cremes de mãos, bálsamos labiais e outros, há sempre algo novo. Este ano temos cubos efervescentes e uma bruma cintilante. E o formato de esfoliante é diferente este ano também.

the-body-shop-coffret-jardins-suspensos.jpg

 O ano passado comprei um gift na lata em forma de maçã, e a forma como se diferenciavam de linha para linha era no laço, sendo todas em prateado. Este ano não! Chora carteira que eu quero uma de cada e eu odeio o aroma da linha de arando.

the-body-shop-advent-calendar-jardins-suspensos.jp

 E claro, volta o calendário do advento, já com produtos da linha nova.

 

 Agora falta saber o que nos reservam os lançamentos de maquilhagem. Estes produtos são suposto chegar ainda em Outubro às lojas, vou meter o nariz em tudo.

 

 Quem mais está com curiosidade?

 Beijoo :)